Social
Últimos assuntos
» [Filler Complexo #1] Alluka
por Alluka Qui Nov 16, 2017 6:17 pm

» [Filler Simples #1] Alluka
por Um Ter Out 31, 2017 8:47 pm

» Ateliê de Fantoches & Itens - Rinha Alluka
por Um Ter Out 31, 2017 8:33 pm

» Pedindo Filllers
por Um Qui Out 26, 2017 5:43 pm

» Personagem Secundário - Vlad
por Um Sex Out 20, 2017 10:42 pm

» [Trama] Kumo
por Um Sex Out 20, 2017 10:32 pm

» [Trama] Kiri
por Um Sex Out 20, 2017 10:27 pm

» [Trama] Konoha
por Um Sex Out 20, 2017 9:43 pm

» Personagem Secundário - Nara Perseu
por Um Qui Out 19, 2017 12:09 am

» Personagem Secundário - Matoo Rin
por Um Qua Out 18, 2017 7:49 pm

Clima & Tempo

Primavera
Ano - X

Procurados

Nosso Banner
Código:
[url=http://umshinobi.forumeiros.com/][img]https://i58.servimg.com/u/f58/19/64/92/15/parcer10.gif[/img][/url]
Código:
[url=http://umshinobi.forumeiros.com/][img]https://i58.servimg.com/u/f58/19/64/92/15/parcer11.gif[/img][/url]
Parceiros
Bulba RPG

[Filler Simples #1] Alluka

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Filler Simples #1] Alluka

Mensagem por Um em Qui Out 19, 2017 9:24 pm

Local: Pais do Fogo
Objetivo Extra: Nenhum
Detalhes: O filler se trata da infância de Alluka, da razão pela qual ele possui a personalidade atual
avatar
Um
S
S


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Filler Simples #1] Alluka

Mensagem por Alluka em Sex Out 27, 2017 9:10 pm

Uma historia simples sobre matar pessoas

"A historia que costumavam me mandar ler quando criança...Era uma historia simples...Eu sou eu...Eu não consigo me entender com os outros...Os outros são coisas para matar...Coisas a serem erradicadas...A historia tinha todo jeito de matar nela"
- Esta bem, isso esta bom. Isso é tudo - Falava Alluka enquanto saia de um quarto todo cheio de sangue - Eu acabei de voltar, mamãe - comentava o menino.
Uma mulher de cabelos negros e longos aproximava-se. - Aquilo foi esplendido, Alluka - Ela pegava nos ombros do menino.
- É uma honra receber seus elogios ... - Ele falava baixinho
- Agora, Tire o casaco - A mulher pegava o casaco do menino - Você fez um bom trabalho - Ela comentava

"Ela viu nossa luta contra Kolluto...Aquele foi um método simples de matar...Aqueles que são engolidos pela loucura, engolem a loucura, derretem na loucura e endurecem com a loucura"

- Você pode reproduzir tudo perfeitamente, mas foi inesperado conseguir vence-lo - Comentava a mulher.
Os dois caminhavam próximos por um corredor, o menino e sua mãe.
- Agora, você não esta cansado? Sua comida já foi feita - Eles chegavam na cozinha - É seu prato preferido - Os dois se sentavam e começava a comer - Eu me esforcei ao máximo para fazer sua comida Alluka, Coma -

~~~
Lembranças corriam pela mente do menino...

Haviam Três coelhos brancos em um pequeno quarto de piso e paredes claras, a mulher e um pequeno garoto estavam também no quarto.
- Vá, mate-os - Falava a mulher
- Eu..eu não sei como lidar com eles - Dizia o pequeno Alluka.

~~~
Ele era trancado em um quarto escuro.
- Nada de comida até você conseguir...Pense nisso aqui dentro - A mulher falava e fechava a porta, trancando-a com a chave.
- Espera, eu já estou com fome .... faz tempo ... - O menino resmungava no escuro.

~~~
A porta se abria em um ranger...
- Essa é a sua primeira chance de comer em cinco dias, mate os três coelhos de três maneiras diferentes - Falava a mãe.
O menino fraco e já desnutrido se levantava e os dois caminhavam até o quarto onde os coelhos estavam.
- você sempre lê e estuda o livro que eu te dei não é? Você ficará mais cinco dias sem comer se não fizer isso agora - Ela completava.

"Cortar para matar"
"Esmagar para matar"
"Bater para matar"

Ele reproduzia as ilustrações como estavam no livro criado por sua mãe, cortando, esmagando e espancando os três coelhos até por fim mata-los.

- Parabéns, agora você pode comer - Ela sorria.

As memórias dissolviam-se e o menino voltava para a realidade...
~~~

- Coma. Tem o quanto você quiser - Continuava a mulher - Depois de comer, você deve tomar um banho e ter uma boa noite de sono...Me desculpe por tudo até agora. Foi doloroso não foi? Mas você suportou tudo e seguiu em frene, fez muito bem. Graças a você, Alluka, a minha pesquisa esta quase completa. Agora, você só precisa desenhar .... - Enquanto falava ela se levantava dando a volta na mesa - Obrigada, Alluka - Ela o abraçava.Os olhos de Alluka enxiam-se de lagrimas, ele não sabia como reagir aquele tipo de emoção - Você é o filho que eu tenho tanto orgulho - Ela sorria o abraçando.
- Você não pode fazer isso, não seja bondosa de repente! Eu...Eu... Como você é minha mãe...como você é minha mãe, eu ouço tudo que você diz! - Alluka era abraçado forte por sua mãe, ele se levantava mas a mulher mantenha-se firme em seu abraço caloroso - Eu pude jogar tudo fora, como você mandou ...Apesar disso, se você fizer o que uma mãe normal faria... - Resmungava Alluka

"Eu não sei como eu devo encarar isso..."
"Apunhalar para matar"

Alluka estava com uma kunai em mãos, ele cravava a lamina no estomago da mulher, ela cuspia sangue tentando se afastar, mas ele não deixava segurando-a com seu outro braço.
- Alluka? Alluka?!- Ela falava entre gemidos e debatidas.
- Eu não posso ouvir as palavras gentis, é pior que um zumbido...eu não entendo o que você quer dizer...como você me disse, como me foi dito, eu joguei fora fora! EU JOGUEI FORA, DO JEITO QUE VOCÊ MANDOU! - Alluka enlouquecia, começava a esfaquear a mulher que se soltava, ele escrevia no ar um Kanji e a mulher começava  pegar fogo - Mas é injusto... o que chamam de minha "mae" ...você esta demonstrando o que chamam de "amor", que você me fez jogar fora.... - O menino tinha uma expressão séria e tranquila - Pare de besteira sua bruxa de merda. você ainda tem ele - Alluka parava deixando a mulher no chão ardendo em chamas - Mesmo que eu tenha jogado fora o que chamam de "Kolluto" também... eu consegui jogar tudo fora por que o que chamam de minha "mae" também tinha jogado, sabe? - O menino voltava a enlouquecer e continuava a esfaquear a mulher mesmo com ela em chamas, ele caia de joelhos sobre a mulher no chão e continuava a golpear a mesma, as chamas queimavam algumas de suas vestes - MAS! MAS! MAS! QUEM DIABOS É VOCÊ, DEVOLVA A MINHA MÃE! -

No final, restava apenas uma enorme poça de sangue, um corpo queimado e o menino em pé todo pintado de vermelho com as roubas queimadas....
- Meio que morreu...eu meio que matei...Devia ser uma coisa importante, mas eu não ligo mais... eu não sei mais -

Essa é uma historia simples sobre como matar pessoas


  • Se passa quando Alluka possuía 15 anos, as lembranças são de quando ele possuía 6 anos.
  • Kolluto é o irmão de Alluka, explorarei mais isso em outro filler
  • Esse filler é uma capitulo de uma "série" sobre o passado do personagem.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Filler Simples #1] Alluka

Mensagem por Um em Ter Out 31, 2017 8:47 pm

Aprovado - Rank C

Recompensas:
- 40 Xp
- 500$
- 3 pontos de Jutsu
Continue com essa série, estou curioso sobre o passado confuso e problemático desse personagem!
avatar
Um
S
S


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum